O orgulho nos afasta de Deus.


O orgulho nos afasta de Deus. 

Na lista de Salomão das coisas que Deus odeia, o orgulho aparece em primeiro lugar. A pergunta natural diante desse fato é: Por que Deus odeia tanto o orgulho? O resumo da resposta é; porque esse sentimento faz o Senhor Se lembrar da origem do mal.

Lúcifer foi o primeiro orgulhoso do Universo. A Bíblia descreve o que aconteceu em seu coração: “Você era o modelo de perfeição, cheio de sabedoria e de perfeita beleza. Você estava no Éden, no jardim de Deus; todas as pedras preciosas o enfeitavam. Você foi ungido como um querubim guardião, pois para isso Eu o designei. Você estava no monte santo de Deus e caminhava entre as pedras fulgurantes. Você era inculpável em seus caminhos desde o dia em que foi criado até que se achou maldade em você. Seu coração tornou-se orgulhoso por causa da sua beleza, e você corrompeu a sua sabedoria por causa do seu esplendor. Por isso Eu o atirei à terra; fiz de você um espetáculo para os reis” (Ezequiel 28:12-17).

Todos os anjos olhavam para Lúcifer e o admiravam. Porém, sua beleza física, inteligência, posição social e conduta moral o fizeram começar a pensar sobre si mais do que deveria. A vida do principal anjo do Céu começou a ficar centralizada no eu. Perceba como o profeta Isaías o descreve: “Você que dizia no seu coração: Subirei aos céus; erguerei o meu trono acima das estrelas de Deus; eu me assentarei no monte da assembleia, no ponto mais elevado do monte santo. Subirei mais alto que as mais altas nuvens; serei como o Altíssimo’” (Isaías 14:13, 14). Nesse texto, existem cinco referências à palavra “eu” no discurso de Lúcifer.

O orgulho nos afasta de Deus. Satanás e seus seguidores foram expulsos do Céu devido aos pecados cometidos. Assim também, todos os orgulhosos que não se arrependerem do mal serão excluídos do reino celestial. O profeta Isaías nos mostra a atitude de Deus em relação ao orgulhoso: “A arrogância dos homens será abatida, e o seu orgulho será humilhado. Somente o Senhor será exaltado naquele dia” (Isaías 2:17).

Uma pessoa orgulhosa quer que a sua imagem seja exaltada sempre; porém, ela não percebe que, quanto mais se aprofunda no orgulho, mais se parece com o inimigo de Deus. Devemos nos policiar a cada dia para não cometermos esse pecado. O ideal é odiá-lo tanto quanto Deus odeia.

Não alimente o orgulho no coração. Ore hoje para que Deus purifique sua vida desse mal. Permita-se ser transformado à semelhança de Jesus, que é manso e humilde de coração.


Referência:
Texto: O orgulho nos afasta de Deus - Ezequiel 28:12-17 / Isaías 14:13, 14 /  Isaías 2:17.
Santuário Nossa Senhora Desatadora dos Nós.


Voltar

Links Relacionados